top of page

Investimento em Tecnologia Impulsiona Parque das Tribos


Iniciativa representa o primeiro passo para a implementação do Centro Cultural, Turístico e Comercial a ser construído na comunidade.

Nesta terça-feira (02/07), a comunidade Parque das Tribos foi contemplada com a entrega de equipamentos eletrônicos, realizada pelo PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento) por meio da Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab). Os coordenadores da organização conceberam este momento junto aos líderes da comunidade Parque das Tribos.

Esse é um marco histórico que celebra mais uma importante conquista de nossa comunidade, consolida e fortalece o trabalho realizado por nossas lideranças e reconhece mais de dois anos de trabalho árduo de nossa equipe técnica que resultou na aprovação do projeto pelo PNUD, destacou o advogado Isael Munduruku.

A entrega dos equipamentos representa um avanço crucial para a comunidade, proporcionando ferramentas necessárias para aprimorar a comunicação e a gestão do Parque das Tribos. Além disso, esses recursos tecnológicos são importantes para  os membros da comunidade, facilitando o acesso à informação.

"Agrademos imensamente o apoio e financiamento do PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento) que por meio da COIAB, proporcionou mais esta conquista importante", enfatizou o Cacique do Parque das Tribos, Ismael Munduruku.

Esta ação é apenas o início de um grande projeto que visa à construção do Centro Cultural, Turístico e Comercial do Parque, que não apenas tem como objetivo promover a cultura indígena, mas também estimular o turismo e o comércio na região, fornecendo benefícios econômicos e sociais para a comunidade local.

As mulheres indígenas e os artesãos serão os maiores beneficiados, pois terão renda própria com a comercialização de seus produtos, destacou Danielle Gonçalves do Povo Baré.

A comunidade Parque das Tribos está comprometida com a melhoria e o bem-estar de seus moradores. Transformando a área em um centro cultural, o projeto visa atrair visitantes, promovendo o conhecimento sobre as tradições indígenas e tornando-se um ponto de referência cultural.


Matéria: Kamilly Dias

Revisão: Isael Munduruku

Fotos: Danielle Baré

O Projeto Floresta+ Amazônia tem o objetivo de recompensar quem protege e recupera a floresta. Assim, contribui para a redução de emissões de gases de efeito estufa e o desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal.


É uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (@mmeioambiente) e PNUD Brasil (@pnud_brasil), com apoio do Green Climate Fund - GCF (@greenclimatefund).


O Floresta + tem como foco a estratégia de pagamentos por serviços ambientais, e atende as seguintes modalidades de distribuição de recursos:


·Floresta+ Conservação;

·Floresta+ Recuperação;

· Floresta+ Comunidades;

Floresta+ Inovação.

2 bình luận


izaiastikuna2024
05 thg 7

Parabéns cacique vc trazer tecnológico

Thích

Edu Souza
Edu Souza
05 thg 7

Meus parabéns projeto

Thích
bottom of page